domingo, 15 de maio de 2016

Melancolia


As vezes a melancolia me pega de jeito... coisa de mulher sensível a flor da pele.
Minha imaginação é muito fértil. Tanto para coisas alegres como para coisas tristes.
Imagina alguém se preocupar e imaginar o seu próprio velório? Pois é, essa sou eu!
Uma vez conheci uma mulher que era bem parecida comigo, aqui pelos blogs da vida.
E ela me disse:

- Nós só temos que ter muito cuidado para essa nossa tristeza não virar depressão. Pessoas como nós que somos sensíveis a tudo, temos tendência a tristeza.

Resumindo: Não podemos deixar a tristeza tomar conta.

Graças a Deus tenho muitos motivos para sorrir. Sou abençoada.
Talvez por isso ao longo da vida e tantos problemas nunca me entreguei para o sombrio.
Fui mãe cedo e sempre vi isso como providência Divina.
Hoje compreendo que meus filhos sempre foram minha âncora para o mundo real.
A missão de ser mãe, sempre me manteve lúcida.

Hoje mais intima de Deus, entendo que tudo na minha vida teve e ainda têm propósito.
Deus sempre cuidou de mim, até nas sutilezas...
Simplesmente para que eu não pirar o cabeção. : )

Mas a linha eu sei, foi sempre tênue.
Alegria e tristeza.
Por isso para os de perto:

Cuidem sempre de mim.
As vezes eu me canso de apenas cuidar, também quero ser cuidada. : )
(Deuzijane)



0 comentários:

Template by:

Free Blog Templates